Categorias
Criptomoedas Tecnologia

3 erros comuns em um Home Broker

Para contextualizar os erros comuns cometidos por corretoras que oferecem Home Broker é bom você entender o cenário atual de investimentos e como isso afeta a ferramenta.

O cenário de investimento no Brasil e suas oportunidades

Nunca se falou tanto de investimentos como agora. O Número de pessoas físicas na bolsa encostou nos 3 milhões em agosto deste ano.

Você acha que a pandemia e todas suas incertezas afetaram negativamente esse crescimento? Saiba que, segundo dados da B3, desde o início da pandemia, em março, a quantidade de CPFs na bolsa cresceu 52%.

No ano passado um dos memes mais famosos em nosso país foi o da Bettina, lembra? Na época ela protagonizou uma peça publicitária polêmica onde dizia ter acumulado R$1.042.000,00 em patrimônio aos 22 anos investindo na bolsa. Cada um tem sua opinião sobre esse caso mas uma coisa é fato, cada vez mais o assunto “investimento” está presente nas rodinhas de conversa Brasil a fora.

Esse aumento no interesse das pessoas por investimentos está promovendo uma nova corrida entre as corretoras, bancos e fintechs para conquistar os novos investidores, o crescimento de fintechs focadas em investimento ilustra bem o caso.

home-broker-fintechs-investimento

Nesta corrida para chegar antes e se diferenciar, muitas corretoras estão lançando suas próprias contas digitais para oferecer mais serviços e praticidade a seus usuários, por exemplo a XP Investimentos e o BTG Pactual. Vendo este movimento e não querendo ficar para trás, os bancos estão adicionando ou melhorando seus produtos de investimento, movimento feito pelo Itaú, Santander e mais recentemente pelo Nubank, que comprou a corretora Easynvest. Se você quiser saber mais sobre a corrida das corretoras, dá uma olhada neste artigo.

Estamos vivenciando um processo de democratização dos produtos de investimento, cada vez mais pessoas poderão, de uma forma mais fácil, investir. E esse é todo um novo mundo a ser explorado.

Mas para permitir que toda essa gente possa investir de forma fácil, rápida e segura existe um grande desafio tecnológico, vamos entender isso a fundo na próxima seção – Home Broker.

Home Broker – a ferramenta chave para permitir que as pessoas façam investimentos.

Sabia que já houve uma época onde a única forma de comprar e vender ativos era ligando para a mesa de operação de uma corretora e verbalizando sua ordem? Pois é, desde lá muita coisa mudou.

Home Broker é uma plataforma que permite a negociação de ações, criptomoedas ou outros ativos financeiros pela internet. 

O Home Broker também permite que o usuário negocie os ativos em um modelo de “self service”, onde ele mesmo, através da plataforma, faz suas análises e executa as compras e vendas sem a necessidade de um corretor intermediando essas operações.

É imprescindível que corretoras de investimentos, de valores e de criptomoedas disponibilizem um Home Broker para seus usuários pois esta é a principal interface que seus usuários terão para consumir seus serviços. A qualidade do Home Broker afeta diretamente nos resultados que essa corretora terá.

home broker

Porém se você está criando ou até mesmo já tem um Home Broker é preciso cuidar para não cometer os 3 erros comuns encontrados neste tipo de plataforma:

  1. Falta de atenção com o UX e UI

Ao construir um Home Broker, assim como qualquer produto ou serviço, é muito importante se atentar ao UX e ao UI! 

UX significa Experiência do Usuário e, na prática, é a relação que uma pessoa tem com o serviço. Para ter um bom UX é preciso se preocupar com cada etapa que o usuário irá interagir com o home broker. 

UI significa Interface do Usuário, ela é a intermediária visual e é responsável por guiar o usuário pela plataforma. É necessário criar interfaces funcionais para permitir que o usuário navegue intuitivamente dentro do home broker.

Quando não há atenção nessas áreas alguns problemas podem acontecer:

  • Aplicativo complicado de usar;
  • Dificuldade de acesso;
  • Usuário frustrado;
  • Muitos erros inesperados;
  • Interface visualmente desagradável.
  1. Não possuir um aplicativo nativo

Atualmente, ter um aplicativo é quase um requisito para toda empresa, pois acelera sua transformação digital e ajuda a fidelizar o cliente. Se sua corretora não está na palma da mão, isso pode ser um problema!

E um aplicativo nativo é o que mais traz vantagens.

Aplicativo nativo é aquele que é criado especificamente para um sistema (Android ou iOS) e é capaz de aproveitar melhor os recursos do dispositivo em que foi instalado, como a câmera, a localização, os contatos, as fotos e entre outros.

Isso garante uma boa funcionalidade e um aplicativo leve, que roda de forma fluida. Esse é o diferencial entre seu cliente conseguir utilizar ou não sua plataforma nesse mercado competitivo.

  1. Não responsivo e sem retrocompatibilidade

Um aplicativo de home broker precisa ser compatível desde com o celular mais simples até o de última geração, isso é retrocompatibilidade. Esse ponto é muito importante para garantir que todos possam investir usando sua plataforma.

E também precisa ser responsivo de verdade! O desenvolvimento de cada funcionalidade deve levar em consideração todos os tamanhos de tela.

Prestando atenção a esses dois pontos, será garantida uma experiência uniforme em qualquer dispositivo que o usuário usar para acessar o home broker.

Se você procura entregar a melhor experiência para seu usuário, é preciso prestar muita atenção para não cometer esses erros no seu home broker, pois eles são super comuns em alguns aplicativos de corretoras.

A Atar B2B pode te ajudar a construir um home broker com aplicativo de conta digital integrado que já atende a todos esses requisitos, através da nossa aplicação totalmente white label, com a presença e impacto da sua marca.

Com a plataforma de BaaS (Banking as a Service) da Atar B2B você pode, também, emitir contas com número de banco, agência e conta e oferecer diversos serviços financeiros e de pagamento a seus usuários.

Atributos do produto

Peso pena: a nossa plataforma foi construída com modernas tecnologias nativas para iOS e Android e pensada pelo ponto de vista do usuário. O que faz dela, a conta digital e Home Broker, mais leve do mercado.

Feito para todos: é compatível com iOS 9 ou superior e Android 5.0 ou superior. Tendo uma excelente retrocompatibilidade, podendo atender desde o celular mais simples até o de última geração;

Responsivo de verdade: o desenvolvimento de cada funcionalidade leva em consideração todos os tamanhos de tela, garantindo uma experiência uniforme em qualquer plataforma.

Quer saber mais sobre essa solução? Solicite contato que um especialista irá conversar com você!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *